EM MOVIMENTO

Bruxelas acolheu seminário sobre cuidados primários de saúde para as mulheres

Um seminário sobre os cuidados primários de saúde para as mulheres teve lugar no dia 2 de Fevereiro de 2015, num auditório do Parlamento Europeu em Bruxelas, organizado pela Federação Democrática Internacional das Mulheres (Região Europa), onde se discutiu uma temática que nos preocupa a todas na Europa, o direito universal à saúde, uma das grandes conquistas do estado social está profundamente ameaçado, com repercussões enormes na saúde e na vida das mulheres. As políticas neoliberais da EU e seus governos submissos, debaixo ou não da austeridade agressiva, têm deixado degradar os serviços públicos de saúde e os cuidados primários de saúde estão cada vez mais inacessíveis ao comum dos cidadãos, com consequências bem conhecidas. Em vários países da Europa, entre os quais Portugal, Grécia, Itália, Inglaterra e outros, a Saúde é um bem que está a ser alvo de um negócio apetitoso para grupos privados. legitimados pelas posições que os governos vêm tomando. A FDIM (Europa) apresentou à Comissão dos Direitos da Mulher um apelo a que estas políticas sejam interrompidas pois o direito à saúde está intimamente ligado ao direito à vida, ligado aliás com o aumento das violências doméstica e no namoro, da quebra de natalidade, do crescendo de prostituição e tráfico de mulheres. O MDM esteve representado neste seminário por Regina Marques, da sua Direcção Nacional.

wb_gestao2Bruxelas acolheu seminário sobre cuidados primários de saúde para as mulheres

Related Posts