EM MOVIMENTO

30 de Outubro – Dia Nacional de Luta Contra o Cancro da Mama

É URGENTE GARANTIR O DIREITO À SAÚDE DE TODAS AS MULHERES.

MAIOR INVESTIMENTO

MAIS ACESSO NO SNS!

 

O cancro da mama é um problema de saúde pública com uma alta incidência e mortalidade na mulher.

Em cada ano, surgem seis mil novos casos de cancro da mama no nosso país, e por dia morrem cerca de quatro mulheres. O cancro da mama atinge mulheres cada vez mais jovens, mas a faixa etária dos 25 e aos 40 anos não é ainda abrangida pelo rastreio sistematizado, e o diagnóstico precoce não é assegurado.

A prevenção e o diagnóstico na fase inicial, seguido de acompanhamento e tratamento adequados, são determinantes para reduzir a mortalidade e contribuir para a qualidade de vida das mulheres.

Há situações inadmissíveis de desigualdade no acesso ao SNS: rastreios, tempos de espera para consulta e cirurgia, comparticipação de próteses e equipamentos, exames de vigilância, preservação da fertilidade e cuidados paliativos.

(…)

O MDM reclama a concretização de medidas para garantir no SNS, respostas mais céleres e eficazes com efectiva qualidade dos serviços de saúde preventiva, curativa, de reabilitação e cuidados paliativos:

– Aumentar a taxa de cobertura nacional do rastreio do cancro da mama o alargamento a mulheres acima de 40 anos e ampliar os horários em todos os centros de saúde;

Contratação de mais profissionais de saúde – médicos, enfermeiros, técnicos de diagnóstico e terapêutica, psicólogos, técnicos superiores de serviço social;

Melhoria da articulação entre as unidades de cuidados primários, hospitalares e cuidados continuados;

Alargamento e uniformização dos mecanismos de comparticipação e de atribuição de produtos de apoio às mulheres com cancro da mama, especialmente próteses mamárias, capilares, sutiãs e suplementos dietéticos;

Reforço da protecção social, garantindo designadamente às sobreviventes do cancro da mama, a possibilidade de se reformar antecipadamente e a redução do horário de trabalho, sem qualquer penalização;

Combater factores de risco com campanhas articuladas nas escolas, universidades, empresas, (maus hábitos alimentares, inactividade, obesidade, stress profissional), mas também com políticas de melhoria dos salários reais, da segurança de emprego e da estabilidade nos horários de trabalho.

30 Outubro 2020

DN do MDM

Ler Comunicado integral (PDF)

wb_gestao230 de Outubro – Dia Nacional de Luta Contra o Cancro da Mama

Related Posts